Follow by Email

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

Tudo sobre Bonsai 4

HAN-KENGAI ( SEMI CASCATA )

O Bonsai han-kengai é semelhanate ap Kengai. Tem um aspecto horizontal e geralmente uma parte da árvore se inclina para baixo porém, com uma inclinação menos acentuada que a do estilo Kengai. É plantado em vasos mais rasos que os utilizados para o Kengai.
Estes são os estilos de bonsai que derivam dos estilos básicos. No caso de observarmos um bonsai com características de dois estilos, por exemplo, um bonzai de raízes expostos (neagari) geralmente é um Moyogi, o seu estilo não será Moyogi e Neagari, somente Neagari. Ou seja o bonsai irá assumir o estilo específico e não o básico no caso de possuir características de dois estilos.

NEAGARI ( RAIZ EXPOSTA )

O Bonsai neagari possui raízes grossas aparentes , que sustentam o tronco acima do solo. Este estilo é característico do bonsai chinês, pois é muitas vezes utilizado pelos chineses.

FUKINAGASHI (VARRIDO PELO VENTO)

A característica do bonsai fukkinagashi é possuir todos os galhos "caídos "para um lado, como se fossem soprados constantemente pelo vento.

HOKIDACHI ( VASSOURA )

O bonsai hokidashi tem o tronco vertical, com os galhos muito ramificados formando uma copa única. De certo modo, parece uma vassoura invertida.

NEJIKAN ( TRONCO RETORCIDO )

O tronco da árvore deve percorrer um movimento axial. O nejikan é um belíssimo estilo e produz um efeito ainda mais interessante em espécies de tronco particularmente bonito.

SHARIMIKI ( MADEIRA-EXPOSTA )

Não é difícil encontrarmos na natureza uma árvore com troncos inicialmente vivos, mas com uma terminação seca e morta, muitas vezes por ter sido atingido por um raio. São essas árvores que o estilo Sharimiki representa. Este estilo é obtido através da coleta de árvores na natureza (yamadori) ou artificialmente (Jin, Shari e Madeira - Arrastada).

BANKAN (SERPENTINA )

Este talvez seja o mais excêntrico de todos os estilos, pois o bonsai Bankan tem um tronco formando círculos e arcos consecutivos.

BUNJINGI (MINIMALISTA)

O estilo Bunjingi é a presença de um minimalismo no cultivo do bonsai, provavelmente por influência do Zen. O bonsai bunjingi não tem aspecto de profundidade e possui uma razoável tortuosidade, passando na maioria das vezes uma idéia de simplicidade e leveza.

SEKIJOJU (RAIZ - SOBRE - ROCHA)

As raízes são aparentes como no neagari, mas nesse caso abraçam firmemente uma pedra ou pedaço de rocha antes de penetrar no solo.

ISHITSUKI (ARVORE NA ROCHA)

Este estilo é semelhante ao anterior. A diferença é que neste estilo as raízes não vão de encontro ao solo como no estilo anterior.

NETSURANARI (RAIZES INTERLIGADAS)

O bonsai netsuranari caracteriza-se por apresentar várias árvores que crescem de uma única raiz serpentiforme.

KABUDACHI (TRONCOS MÚLTIPLOS)

Neste estilo vários troncos partem de um único tronco mais grosso.Os troncos devem aparececer a poucos centímetros da superfície pois,desta forma tronco-mãe será mais curto.O estilo da árvore da figura ao lado é chamado Sokan (tronco duplo).

SAIKEI (PAISAGEM EM UMA BANDEJA )

Neste estilo é criada uma paisagem miniatura formada por árvores que são pequenas mudas ou mame bonsai de árvores de folhas muito pequenas.

YOSE - UÊ (FLORESTA )

Neste estilo representa uma floresta que deve Ter mais de nove árvores na mesma bandeija. Quando o número de árvores é abaixo deste, o estilo não considerado Floresta, é considerado árvores em grupo.

YAMAMORI (ÁRVORES EM GRUPO)

2 árvores : Soju
3 árvores: Sambon - Yose
5 árvores: Gohon - Yose
7 árvores: Nanahon - Yose
9 árvores: Kyuhon - Yose

Esta é a forma pela qual podemos limitar o comprimento do tronco e dos galhos , regulamos o número de galhos e folhas, e podemos também diminuir o tamanho das folhas.
As podas de galhos secundários, de ramificações ainda menores e de folhas são chamadas de podas de refinamento, e as podas de tronco ou até mesmo de galhos primários são chamadas podas drásticas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário